Páginas

Marcadores

domingo, 10 de março de 2013

Frases do livro Em Chamas





“Não é estranho o fato de eu saber que você arriscaria a sua vida para salvar a minha... e ao mesmo tempo não saber qual é a sua cor favorita?”

“Porque, às vezes, acontecem coisas com as pessoas com as quais elas não estão preparadas para lidar.”

“Havia momentos em que eu francamente não sabia o que sentia por ele. E, na verdade, ainda não sei.”

- Então o que a gente devia fazer nos nossos últimos dias?
- Só quero passar todos os minutos possíveis do resto da minha vida com você.

- Se você morrer, e eu continuar vivo, acaba a vida pra mim no Distrito 12. Você é toda a minha vida - diz ele. - Eu nunca mais seria feliz.
Começo a me opor, mas ele coloca um dedo nos meus lábios.
- Para você a coisa é diferente. Não estou dizendo que não seria difícil. Mas existem outras pessoas que fazem com que a sua vida valha a pena ser vivida.

“Quando acordo, tenho uma breve, porém deliciosa, sensação de felicidade que está de uma forma ou de outra conectada com Peeta.”

“Gostaria muito de poder congelar esse momento, bem aqui, nesse instante, e viver assim para sempre.”

“E a ideia de perdê-lo para sempre, meu melhor amigo, a única pessoa a quem confiei meus segredos, era tão dolorosa que eu mal conseguia suportar. Não depois de tudo o mais que havia acontecido.”

“E eu adoro isso. Poder finalmente ser eu mesma.”

“Em vez de me satisfazer, os beijos têm o efeito oposto. Fazem com que minha necessidade seja ainda maior. Pensava ser uma especialista em fome, mas essa fome aqui é de um tipo totalmente diverso.”

São só algumas frases, logo postarei mais ;)

sábado, 9 de março de 2013

Frases do filme Cartas para Julieta



“Não fui ao encontro dele, Julieta.
Não fui ao encontro de Lorenzo.
Em seus olhos havia tanta confiança.
Prometi me encontrar com ele para fugirmos, porque meus pais não aprovam.
Em vez disso, eu o deixei esperando por mim, sob nossa arvore.
Esperando, perguntando-se onde eu estava.
Estou em Verona agora. Volto para Londres pela manha, e estou com muito medo.
Por favor Julieta, me diga-me o que devo fazer.
Meu coração esta partido. E não tenho ninguém mais a quem recorrer.”
Com carinho, Claire.

“Julieta, há algo pior no mundo do que um homem?”
- Sim, dois.

“A vida são os episódios caóticos.“

“Se eu encontrasse o amor da minha vida, não ficaria lá como um idiota sussurrando no jardim. Eu a levaria daquele maldito balcão, e resolveria a questão.”

“Duvida que as estrelas sejam fogo.
Duvida que o sol se mova.
Duvida que a verdade seja mentira.
Mas nunca duvide do meu amor por você.”

“Quando se trata de amor, nunca é tarde demais.”

“Querida Claire ‘e’ e ‘se’ são duas palavras tão inofensivas quanto as palavras podem ser.
Mas coloque-as jutas lado a lado e elas tem o poder de perseguir você pelo resto da sua vida.
E se?
E se?
E se?
Não sei como sua história terminou mas, se o que você sentia então, era amor verdadeiros, então nunca é tarde demais.
Se era verdadeiro então, porque não seria agora?
Você só precisa ter coragem para seguir seu coração.
Não sei como é um amor como o de Julieta, um amor pelo qual deixar entes queridos, um amor pelo qual cruzar oceanos...
Mas quero acreditar que, se um dia sentisse esse amor teria coragem de agarra-lo.
E Claire, se não fez isso, espero que um dia o faça.”
Com todo carinho.
Julieta

- Preste muita atenção no que vou dizer. Eu moro em Londres, uma cidade histórica, linda, vibrante, na qual eu adoro morar. Você mora em Nova York que é superestimada. Mas como o Atlântico é largo demais para se cruzado todos os dias nadando, velejando ou voando, sugiro tirar cara ou coroa.
- O que esta dizendo?
- E se essas condições forem inaceitáveis, deixar Londres será um prazer desde que esteja esperando por mim do outro lado. Porque a verdade é que estou verdadeira, profunda e loucamente apaixonado por você.

- Pode se mexer?
- Só os lábios.