Páginas

Marcadores

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Frases e dialogos do livro Vampire Academy 2: Frostbite - Richelle Mead



Aliás, meu nome é Rose Hathaway. Eu tenho 17 anos, treino para proteger e matar vampiros, estou apaixonada pelo cara errado, e tenho uma melhor amiga cuja mágica esquisita pode deixar ela maluca.
Hey, ninguém disse que a escola é fácil.


“Você sabe o que realmente iria ajudar?” Eu perguntei, sem encontrar seus olhos.
“Humm?”
“Se você desligasse essa música ruim e colocasse algo que foi lançado depois que o Muro de Berlim caiu.”

“Como você não sabe onde fica um coração? Especialmente considerando quantos deles você quebrou?” (Mason para Rose)

“Gansos canadenses são mais mortais que víboras?”
“Você já tentou alimentar aqueles pequenos bastardos?” ele perguntou, tentando parecer sério e falhando. “Eles são horríveis. Você é jogado para víboras você morre rápido. Mas gansos? Isso dura dias. Mais sofrimento.”

Minha atração por Dimitri tinha começado praticamente assim que nós nos conhecemos – e não era só porque ele era gostoso, também. Eu sentia que ele entendia parte de mim que nem eu entendia, e as vezes eu tinha certeza que eu entendia partes dele que ele também não entendia.
O único problema é que ele tinha a irritante tendência de apontar as coisas sobre mim mesma que eu não queria entender.

“Nem todas as marcas são emblemas de honra.”

“Isso não é um especial de natal! Isso é a minha vida. No mundo real, milagres e coisas boas não acontecem simplesmente.”

“Não faça isso de novo,” ele disse duramente.
“Não me beije de volta então,” eu respondi.

Eu me sentia como se alguém tivesse arrancado meu coração e jogado pelo quarto.

Ele nunca mais me tocaria daquele jeito, nunca me beijaria de novo...
Esse era o pior natal de todos.

“Você me seguiu da festa?”
“Sim. Não foi uma comoção. Quase ninguém notou. Eu vi porque estava olhando você.”

Você não pode forçar o amor, eu me dei conta. Está lá ou não.
Se não está lá, você tem que ser capaz de admitir. Se está, você tem que fazer o que você puder para proteger quem você ama.

“Onde você está indo?” ele perguntou.
“Quebrar o coração de alguém,” eu respondi.

“Então, como encontramos eles?” perguntou Christian.
Eu dei nos ombros. “Talvez se agirmos como um Strigoi, eles nos ataquem.”

Eu queria chorar até derreter. Eu queria afundar ao lado de Mason e morrer com ele.

A vontade de ver sangue ainda estava em mim, violência era a única emoção que eu era capaz de sentir.

“Vejo você depois, Roza.”
“No nosso próximo treino?” eu perguntei. “Nós vamos recomeçar eles, certo? Eu quero dizer, você ainda tem coisas para me ensinar.”
Parado na porta, ele olhou para mim e sorriu. “Sim. Muitas coisas.”

2 comentários:

  1. Perfeito!!!!! Esse é o meu livro favorito de toda saga u.u

    ResponderExcluir
  2. Todos os livtos de Richelle Mead são perfeitos.

    ResponderExcluir